O PATRIMÓNIO ARTÍSTICO MUSICAL DO MOSTEIRO DE SANTO ANDRÉ DE RENDUFE: CONHECER O PASSADO PARA INTERVIR NO PRESENTE

  • Elisa Lessa Universidade do Minho, Braga
Palavras-chave: História, Património, Arte e Liturgia, Intervenção

Resumo

O presente estudo descreve a vida musical do mosteiro de Santo André de Rendufe nos séculos XVII e XVIII,
identifica o seu património organológico e litúrgico-musical. O conhecimento musicológico que se apresenta
procura contribuir para a identificação e caracterização do mosteiro beneditino enquanto espaço de cultura
e espiritualidade, propondo-se uma reflexão em torno de possíveis soluções de gestão que não contrariem a
sua dimensão patrimonial, histórica e sacra. Como objectivo último tecem-se considerações sobre elementos
de história cultural e musical que permitam perspectivar (novas) propostas de valorização e fruição de tão
significativo património artístico.

Publicado
2016-10-02
Como Citar
Lessa, Elisa. 2016. O PATRIMÓNIO ARTÍSTICO MUSICAL DO MOSTEIRO DE SANTO ANDRÉ DE RENDUFE: CONHECER O PASSADO PARA INTERVIR NO PRESENTE. ARTis ON, n. 3 (Outubro), 112-20. http://artison.letras.ulisboa.pt/index.php/ao/article/view/66.
Secção
CAP. I - A EXTINÇÃO DAS ORDENS RELIGIOSAS E A DESAMORTIZAÇÃO DOS SEUS BENS